Nova pagina 1


Você Está Aqui

Esporte

Fonte Nova terá gramado sintético em 2019

  • PDF

FonteNova

A Arena Fonte Nova, em Salvador, terá gramado sintético a partir do próximo ano, de acordo com o presidente do Esporte Clube Bahia, Guilherme Bellintani. O estádio será o segundo brasileiro a adotar o piso artificial, utilizado atualmente apenas pela Arena da Baixada, em Curitiba (PR). 

“Eu posso anunciar, já acertamos com a Arena Fonte Nova. Agora na renovação de contrato com o consórcio, que vai acontecer em abril, um dos itens estabelecidos é a mudança do campo para grama sintética”, afirmou o dirigente, ao site Globo Esporte. 

Segundo Bellintani, o consórcio que administra o espaço aceitou uma “provocação” feita pelo tricolor. “Estamos discutindo o melhor momento com a nossa comissão técnica. Daria tempo para instalar no intervalo da Copa do Mundo, mas por uma questão de adaptação, deve trocar só no fim do ano”, estimou. 

O novo contrato entre o Esquadrão e a Arena Fonte Nova terá três anos de duração.

Médico que abusou de ginastas é condenado de novo

  • PDF

penamedginastaseua8

Saiu nesta segunda-feira a segunda pena para Larry Nassar, médico que abusou durante décadas de ginastas da seleção dos Estados Unidos. Em processo paralelo e no qual se declarou culpado por três casos de conduta sexual criminal, Nassar recebeu uma dura pena que varia entre 40 e 125 anos de reclusão. No primeiro processo, que envolve as esportistas, a condenação chega a 175 anos. 

Neste segundo processo, ocorrido no Condado de Eaton, Nassar assumiu o abuso sexual de três menores de idade entre 2009 e 2011 no Clube de Ginástica Twistars. Ao todo, segundo informações publicadas pelo Buzzfeed, mais de 200 mulheres -entre declarações públicas e anônimas- acusaram o médico de assédio. Muitas ainda eram crianças ou adolescentes quando se tornaram vítimas.

A primeira condenação de Larry Nassar ocorreu há duas semanas, em julgamento que expôs os abusos do médico que trabalhou durante 30 anos com medicina esportiva. Além dos até 175 anos de reclusão pelas décadas de abuso, o ex-profissional da seleção de ginástica também acabou condenado a 60 anos de cadeia por pornografia infantil. 

Os processos contra o médico incentivaram ginastas a revelarem seus casos de violência sexual contra Larry Nassar. Nomes importantes como as campeãs olímpicas Simone Biles, Gabby Douglas, Aly Raisman e McKayla Maroney foram vítimas de Nassar durante anos. 

Durante os julgamentos, Larry Nassar pediu desculpas às vítimas e ainda encarou os pais de algumas das atletas no tribunal. Na última semana, Randall Margraves, pai de três meninas violentadas pelo ex-médico, tentou atacar o abusador em uma audiência no Estado de Michigan. 

Depois de assistir duas de suas filhas providenciarem provas contra Nassar, Margraves realizou um pedido à juíza para ficar "cinco minutos em uma sala com este demônio". A ideia foi rejeitada, e o pai das três garotas invadiu a área destinada ao réu com o intuito de agredi-lo. A polícia algemou Margraves, que pediu desculpas posteriormente e acabou liberado. Com informações da Folhapress.

Fonte: Esporte ao Minuto

Ex-jogador do Bahia de Feira, Fabinho morre em acidente de carro

  • PDF

fabacdcarrojog8

O ex-atacante Fabinho, que defendeu o Bahia de Feira em 2010, morreu na madrugada de sexta-feira (2), após sofrer um grave acidente de carro. Nascido em Salvador, ele tinha 41 anos e também teve passagens pela Chapecoense, onde se destacou na carreira. Ele ainda atuou em clubes de El Salvador.

O acidente aconteceu na BR-282, em Maravilha, no Oeste de Santa Catarina. O carro conduzido pelo ex-jogador invadiu a contramão e se chocou de frente com um caminhão. Fabinho ficou gravemente ferido e chegou a ser socorrido e levado ao hospital São José, em Maravilha, mas não resistiu aos ferimentos e morreu quando estava sendo levado para um hospital em Chapecó. O corpo do ex-atleta foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) de São Miguel do Oeste. 

No momento do acidente, Fabinho estava acompanhado do filho, de 13 anos, e de um homem de 37 anos. Os dois sofreram ferimentos leves, assim como o motorista do caminhão. Fabinho jogou na Chapecoense entre 2003 e 2004 e entre 2009 e 2010. Além disso, atuou pela seleção do Togo e defendeu cinco clubes em El Salvador, de 2005 a 2008. Atualmente, ele atuava como técnico de categorias de base em Santa Catarina. 

Fonte: Correio

Barrichello é internado em São Paulo após princípio de AVC

  • PDF

avcbarrichelo

Rubens Barrichello fez questão, na tarde desta quinta-feira (1), de diminuir a preocupação do público que o acompanha. O piloto revelou que estava com um problema em uma veia na cabeça, detectado no último sábado (27), mas que já está “praticamente liberado” do hospital em que foi internado. 

Em vídeo publicado em seu Instagram, ele afirma que resolveu gravar uma mensagem para explicar o ocorrido, após receber contatos de pessoas preocupadas com a situação. O piloto da Stock Car revelou que sofreu uma "dor de cabeça enorme" e que, por isso, acabou descobrindo o problema. 

"Muita gente preocupada, me mandando mensagem, então eu resolvi falar. No sábado, acordei, fui tomar um banho, mas tive uma dor de cabeça enorme. Graças a Deus, a Silvana estava por lá, ligou para um amigo nosso médico, logo eu estava no hospital. Tive um problema em uma veiazinha, mas estou ótimo, praticamente liberado, só fazendo alguns check-ups, coisas naturais de hospital", disse. 

O GRANDE PRÊMIO apurou com fontes ligadas ao caso que se tratou de um princípio de AVC — acidente vascular cerebral —, mas que a situação de Barrichello é estável e que não necessitou de intervenção cirúrgica.

Fonte: Grande Prêmio

Médico da ginástica dos EUA já foi acusado de abuso por 265 mulheres

  • PDF

medicoabusoginasteua

Um novo julgamento do ex-médico da Federação de Ginástica dos Estados Unidos (USA Gymnastics), Larry Nassar, teve início nesta quarta-feira (31), e a cada dia vão aparecendo novos relatos de seus abusos. No primeiro dia de audiência em Charlotte, Michigan, a juíza Janice Cunningham informou que 265 mulheres já revelaram que foram vítimas do criminoso. "Nós já temos 265 vítimas identificadas e um número infinito de vítimas no estado, no país e em todo o mundo", afirmou Cunningham. "Como resultado, ao permitirem a transmissão ao vivo e a participação por Twitter, todos os indivíduos podem fazer parte deste processo." O julgamento iniciado nesta quarta-feira é referente aos casos de abuso protagonizados pelo ex-médico em um clube de ginástica chamado Twistar, localizado na cidade de Dimondale, em Michigan. Ao longo dos próximos dias, 60 mulheres ficarão frente a frente com Larry Nassar para confrontá-lo pessoalmente e relatar os crimes cometidos por ele.

O novo processo será bastante semelhante ao realizado na semana passada, quando 158 vítimas prestaram depoimento no julgamento de Nassar referente a sete casos ocorridos também em Michigan. Na ocasião, o ex-médico foi sentenciado a um período de 40 a 175 anos de prisão.

A primeira a prestar depoimento foi Jessica Thomashow, de 17 anos, que acusou Nassar de tê-la molestado pela primeira vez quando tinha nove. "Larry Nassar é mau. Larry Nassar é um criminoso do pior tipo.", disse. "Você se aproveitou da minha inocência e da minha confiança. Era meu médico. Por que? Me pergunto o tempo todo. O que fez foi perverso. Manipulou a mim e à minha família." Outra vítima, Annie Labrie disse sentir "calafrios" com o que Nassar lhe fez, mas foi além e acusou um esquema na base da ginástica norte-americana para que estes casos aconteçam.

Ela disse que os adultos ao seu redor, na época, lhe asseguraram que a única opção era esconder o caso. "A ginástica tem uma cultura específica que permite que pessoas como ele atuem", afirmou. Este novo julgamento de Nassar deve durar três dias e a expectativa é que adicione de 25 a 40 anos à sua sentença. O próprio Nassar admitiu em novembro ser culpado de abusar sexualmente de três garotas e já havia sido condenado em dezembro do ano passado a 60 anos de prisão por posse de pornografia infantil.

Fonte: BN