Bahia empata com o Cruzeiro na última partida do Brasileirão; Zé Rafael se despede do clube

Esporte

azés

A torcida fez a parte dela e levou um público com mais de 27 mil pagantes para o estádio de Pituaçu, no confronto deste domingo, 2, do Bahia contra o Cruzeiro, pela última rodada do Campeonato Brasileiro. Mas, em campo, a equipe tricolor não correspondeu à expectativa e ficou em um zero a zero sem graça com o time reserva da equipe mineira.

Com o resultado, o Esquadrão termina a Série A na sua melhor posição na era dos pontos corridos, no 11º lugar, com vaga garantida na Copa Sul-Americana de 2019. Entretanto, com o empate, a equipe do técnico Enderson Moreira ficou com 48 pontos e perdeu a chance de chegar aos 50 e igualar a quantidade de pontos feita no ano passado, a melhor obtida nesta nova era de pontos corridos do Brasileirão.

Já o Cruzeiro terminou o Brasileiro na oitava posição, com 53 pontos, mas com uma vaga na Libertadores garantida pelo título da Copa do Brasil. 

Homenagem

Antes de começar o jogo, o Bahia prestou mais uma homenagem ao meia Zé Rafael, que foi negociado com o Palmeiras, na maior negociação da história do clube, por R$ 14,5 milhões. O camisa 10 do Esquadrão recebeu uma placa pelos seus 128 jogos no tricolor baiano de Anderson Talisca, meia revelado na base do Bahia e que está de férias do seu atual clube, o Guangzhou Evergrande, da China.

 

Fonte: A Tarde