bscQuem esteve na Base Comunitária de Segurança (BCS), localizada no bairro Phoc II, em Camaçari, na manhã desta quarta-feira, 17, pôde conhecer os projetos e ações previstas para o ano de 2018, assim como teve acesso ao balanço das atividades da unidade durante o ano passado.

No evento, estiveram presentes o comandante da BCS de Camaçari, o Capitão Arcanjo, policiais lotados na unidade, o vereador Flávio Matos, presidentes das Associações de Moradores dos bairros que a unidade policial presta suporte, além de alunos e membros da comunidade.

Em uma breve apresentação, o capitão apresentou dados e resumiu as atividades que são realizadas na base comunitária, a exemplo das aulas de capoeira e de tênis de mesa.

Em seguida, o espaço foi aberto para que a comunidade também se pronunciasse sobre as ações efetivadas na região, além de fazer sugestões.

Há sete meses à frente da BCS de Camaçari, o capitão Arcanjo, ressaltou durante entrevista ao site Ação Notícias, que o trabalho da unidade já existe há três anos e lembrou que as ações desenvolvidas contribuíram para a diminuição dos índices de violência na região.

capitaoarcanjo

Sobre os projetos, o capitão lembrou que o objetivo dos mesmos, além de beneficiar os usuários, é a aproximar a PM e a comunidade. “ Nós queremos que a comunidade entenda que a Policia Militar, não está aqui para reprimir e sim para abraçar a comunidade”, disse.

O capitão explicou ainda que estão em vigor atualmente os projeto; Axé Vida, Base Fit, Base Net, Tênis de Mesa, Capoeira, e a Horta Comunitária. Os interessados em se inscrever em alguma das atividades pode se dirigir a BCS e efetivar a matrícula gratuitamente. Vale ressaltar que a BCS oferece atividades para pessoas de todas as idades.

mcmvcamacariCerca de 500 pessoas que foram contempladas pelo programa Minha Casa Minha Vida, compareceram ao Clube Social de Camaçari, na manhã desta terça-feira, 16, onde participaram de uma reunião e receberam orientações em relação aos documentos para o contrato e como devem proceder após a entrega do imóvel.

Na ocasião, além das famílias também estiverem presentes o secretário de Habitação, Júnior Borges, a secretária de Infraestrutura Joselene Cardim, o vice-prefeito José Reis Tude e prepostos da Caixa Econômica Federal.

No encontro de hoje, estiveram presentes os futuros moradores do Conjunto Sítio Horizonte, situado no bairro Verdes Horizontes. 

O secretário de Habitação (Sehab) Júnior Borges, afirmou que a Caixa estava “segurando” a entrega dos imóveis, por conta de erros ocorridos na gestão passada e pontuou que o governo em vigor conseguiu equacionar todos os problemas. “A gente praticamente passou a morar na Superintendência da Caixa, para conseguir esse patamar que estamos aqui”, falou. 

A secretária de Infraestrutura, Joselene Cardim, lembrou que o governo lutou durante todo o ano de 2017, para resolver os problemas da pasta e entregar as casas. “Em 2017 vivemos um ano muito difícil, mas a gente superou, conseguimos vencer, com ajuda do prefeito Elinaldo e hoje estamos aqui nesse momento lindo, fazendo a entrega das casas”, disse

O vice-prefeito Tude, explicou que o governo junto com a Caixa, reviu todos os itens do contrato, além de cobrar da construtora, algumas questões que competem a ela. 

A vistoria dos imóveis, ocorrerá nos dias 18 e 19. A assinatura do contrato está prevista para o fim deste mês.

bfamiitinlseca

Para atender as comunidades da orla, zona rural e Parafuso, a Prefeitura de Camaçari, através da Secretaria do Desenvolvimento Social e Cidadania (Sedes) inicia na próxima quarta-feira (17/1) o projeto Bolsa Família Itinerante. A primeira localidade contemplada é a de Lagoa Seca e a van do projeto estará localizada na associação, próximo a Casa do Mel, das 8h30 às 16h.

A iniciativa visa evitar o deslocamento das famílias para a sede, até porque a demanda é muito grande, além de prestar um atendimento mais rápido e estar ainda mais próximo. Para participar, é necessário apresentar o RG, CPF, carteira de trabalho e comprovante de residência. Por conta da dificuldade de algumas localidades em ter o documento com o endereço, mesmo sem a documentação completa, o interessado deve comparecer para orientação.

Na van, as famílias poderão fazer o cadastro ou o recadastramento no Bolsa Família. Na oportunidade, a Sedes vai aproveitar para fazer um levantamento sobre a zona rural, a orla e Parafuso para as outras ações da secretaria.

A secretária do Desenvolvimento Social e Cidadania, Janete Ferreira, destacou a iniciativa. “A gente indo para lá é bom porque já trabalha as questões das visitas, que precisam ser feitas no local, até mesmo para dar essa garantia e a proteção dentro dos direitos, que todas as famílias têm. Quanto mais próximo, a gente consegue fazer também um diagnóstico mais rápido para outros programas que estão envolvidos ou relacionados com o CadÚnico”

A van do Bolsa Família estará nas comunidades sempre as quartas e sextas-feiras, de acordo a um cronograma.

Fonte: Ascom

pordosolA Feira do Por do Sol será mais uma atração do fim de semana na Costa de Camaçari e que está fazendo o maior sucesso. Cerca de 140 profissionais entre artesãos, culinaristas e ambulantes vendem seus produtos para nativos e turistas. A animação fica por conta dos grupos de cultura popular e artistas locais se apresentam e enaltecem o clima do ambiente, dando uma mostra da variedade de manifestações culturais do Município.

O projeto é realizado pela Prefeitura, todo final de semana em localidades da orla, em conjunto com diversos órgãos e secretarias, entre elas a Secretaria de Cultura. Neste final de semana, a Feira do Por do Sol será realizada em três locais da costa: Vila de Abrantes, Guarajuba e Arembepe.

Para animar o evento, em Abrantes, vão se apresentar:

Sexta (12) a partir das 19 horas, Boi Janeiro de Cajazeira de Abrantes, Reagge Steady, Associação Cultural Inzó Capoeira e Charanga da Alegria.

Sábado (13) – Aulão de Ritmos Latinos com Thauan Correia (9 horas), Alaketu (19h), Projeto Som do Timbau (20h), Banda de Valdemar Loula.

Domingo (14) – Aulão de ritmos latinos com Leidiane Bispo (9h), Fanpop (18h), Viola de Ouro (19h), Dedeco e Acústico (20h).

Em Guarajuba, onde a Feira do Por do Sol é fixa, realizada diariamente, as atrações do final de semana são:

Sexta (12) – Fanesp (19h), 3 Tons (20h).

Sábado (13) - Aulão de Ritmos Latinos com Leidiande Bispo (9h), Capoeira Engenho (19h), Capoeira Engenho (19h), Black Bird (20h).

Domingo (14) - Aulão de Ritmos Latinos com Thauan Correia (9 horas), Raízes do Passado (17h), Projeto Resgate (18h), Wilson Moreira (19h).

Em Arembepe, onde a feira ocorre todo final de semana as atrações são essas:

Sexta (12) DJ Edson (18h), Liu&Cia (20 h), Paulão (22h).

Sábado (13) – DJ Máximo (18h), Cris Ribeiro (20h), Denny Françuá (22h).

Domingo (14) – DJ Relíquia (18h), Maicon Leite (20h).

reniaoinocoopNa tarde desta segunda-feira, 15, moradores e comerciantes do bairro Inocoop, em Camaçari, se reuniram com a Polícia Militar e representantes do governo, para discutir os principais problemas da localidade.

No encontro estiveram presentes o representante do 12º Batalhão de Camaçari, Major Roberto Castro, a presidente da Associação de Moradores do Inocoop, Elinei Brito, o ouvidor do município, Oswaldo Marcolino, além de representantes da sociedade civil.

Na ocasião, moradores e comerciantes - mais especificamente proprietários de bares, protagonizaram um ácido debate, por conta de um problema apontado pela maioria; a poluição sonora do bairro.

Segundo os moradores, em virtude das atividades dos bares, quem vive no Inocoop, além de ser incomodado pelo barulho, tem suas vagas de veículos invadidas por clientes dos estabelecimentos e ficam mais expostos a violência.

Os moradores também cobraram providências do governo e relataram a falta de ordenamento no trânsito e fiscalização dos espaços públicos e comuns da sociedade. 

Em entrevista ao site Ação Notícias, o Major Roberto Castro, pontuou que o encontro foi muito produtivo tendo em vista que, os problemas foram expostos e todos os lados foram ouvidos. “A melhor forma de solucionar todo e qualquer problema é dessa forma, conversando, ouvindo os lados e cada um cedendo um pouquinho, conseguimos chegar a um denominador comum”, falou.

O ouvidor do município de Camaçari, Oswaldo Marcolino, avaliou a importância da reunião em tentar resolver os problemas de forma pacifica possível. Sobre a interferência do governo, no que diz respeito a atender as solicitações dos moradores. O ouvidor enfatizou que todas as demandas apontadas na reunião, serão encaminhadas as pastas competentes e um novo encontro será realizado com o objetivo de discutir e criar um esquema padrão, onde todos serão beneficiados.

A presidente da Associação de Moradores do Inocoop, Elinei Brito, avaliou positivamente o resultado da reunião, considerando que na ocasião todos se propuseram em colaborar a fim do bem comum.

Morador do bairro há sete anos, Marival Carvalho, explicou que apesar dos problemas ia sair da reunião com esperanças de que a situação na localidade vai melhorar. “ Demos o primeiro passo, para evitar problemas futuros”, falou.

Também em entrevista ao AN, o comerciante Vinicius Cordeiro explicou que seu estabelecimento em parceria com outros dois bares, adotou algumas medidas com o objetivo de eliminar os transtornos gerados tanto para os moradores, como para os estabelecimentos. Ele explicou que a primeira medida adotada com os outros bares, foi reduzir de três para um único cantor (som ao vivo), com a finalidade de diminuir o barulho.

Além disso o comerciante também explicou que está em conversa com outros proprietários, para que os estabelecimentos custeiem o pagamento de guardadores de veículos, identificados e cadastrados, nas ruas transversais da avenida principal, para que não ocorram casos de clientes que bloqueiam ou ocupam vagas de moradores do bairro. “ A gente quer resolver esses problemas, trazer comunidade para o morador e para os nossos clientes”, finalizou.

justpreventivacrisn

A Justiça decretou a prisão preventiva dos acusados pela morte do casal Juvenal Amaral Neto, 57 anos, e Kelly Cristina Amaral, 44, achado enterrado no quintal da própria casa, em Camaçari. Segundo a delegada Maria Tereza, titular da 4ª Delegacia de Homicídios (DH/Camaçari), a preventiva foi expedida na noite de quinta-feira (11). 

Os crimes foram cometidos por Daniel Neves Santos Filho, 29, Carlos Alberto Neres Júnior e mais três adolescentes. Eles invadiram a residência do casal, no bairro Santo Antônio, na última sexta-feira (5), e queriam saber a localização de uma quantia de R$ 70 mil, recebida por uma das vítimas. Os corpos foram descobertos na tarde de terça (9).  

Ainda de acordo com a delegada, Daniel e Carlos já estão custodiados no Complexo Penitenciário da Mata Escura. Já os adolescentes serão encaminhados ainda nesta manhã para a Comunidade de Acolhimento Sócio-Educativo (Case), no bairro Tancredo Neves, em Salvador.  

Segundo a polícia, após manter o casal em cárcere privado, os cinco envolvidos estupraram Kelly Cristina na frente do marido e, na sequência, torturaram os dois com golpes de faca para saber onde estava o dinheiro. As vítimas foram enforcadas e os corpos enterrados no domingo no fundo da residência.  

A polícia só descobriu o caso porque os vizinhos denunciaram. O grupo foi preso na tarde desta terça (9). Com os suspeitos foram encontrados um revólver, uma espingarda calibre 12 e um veículo modelo Focus (placa JOD-0346). Os adultos foram indiciados pelos crimes de estupro, latrocínio, ocultação de cadáver, porte ilegal de arma e corrupção de menores. Já os menores vão responder por estupro e latrocínio.

Fonte: A Tarde

lavagemcamacariAbrindo o ciclo das tradicionais lavagens e festas populares da Costa de Camaçari, ocorre nesta sexta-feira (12/1) os festejos de Barra do Pojuca, em homenagem ao padroeiro da localidade, São Francisco de Assis. Realizada há mais de 100 anos, as comemorações, que seguem até segunda-feira (15/1), contarão com as presenças do prefeito Elinaldo Araújo, autoridades municipais, além da comunidade local, turistas e visitantes. 

As manifestações de fé e religiosidade serão abertas com o tradicional cortejo das baianas. A concentração está marcada para as 10h, no posto de combustível localizado na entrada da localidade. A procissão será acompanhada por grupos culturais e um mini trio institucional, com destino à igreja católica que leva o nome do santo, também conhecida como Igreja Matriz, situada na praça principal. Com percurso de aproximadamente dois quilômetros, a previsão de chegada é 14h.

Dando prosseguimento aos festejos, no sábado (13/1) ocorrerá a parte profana do evento. Uma seresta, em frente ao mercado municipal da localidade, animará os participantes. A festa acontece a partir das 22h e só deve acabar na madrugada do domingo (14/1).

À programação religiosa do evento continua a partir das 10h de domingo, quando serão realizadas missa e procissão. Na segunda-feira (15/1) acontece um cortejo marítimo, promovido por pescadores da localidade, com saída às 6h da Igreja Matriz em direção à Praia da Espera, em Itacimirim. De lá, sairão os barcos que levarão ao mar as oferendas dos devotos. O retorno está previsto para as 16h.

O ciclo das tradicionais lavagens e festas populares da Costa de Camaçari tem apoio da prefeitura, por meio de diversas secretarias e órgão institucionais.

Mais Artigos...