O Tribunal de Contas dos Municípios (TCM) aprovou, na quarta-feira (24/10), as contas da Câmara Municipal de Camaçari, referentes ao exercício de 2017. As contas foram aprovadas com ressalvas, visto que o parecer técnico apontou a existência de excesso de servidores em cargos comissionados em comparação aos servidores efetivos e, ainda de acordo com o documento, irregularidades nas rubricas orçamentárias constantes no edital para contratação de empresa para a operação da TV Câmara. Sobre as ressalvas, ainda cabe recurso.

Mais Artigos...