ambulbonfimmt18

A prefeitura de Mata de São João, através da secretaria de Cultura e Turismo (Secult), inicia na próxima segunda-feira (15) o processo de cadastramento para ambulantes e barraqueiros que desejam trabalhar durante os festejos do Bonfim. A tradicional Festa ocorre entre os dias 26 e 29 de janeiro, no município. 

De acordo com a Secult, o atendimento será realizado no Centro Administrativo, por ordem de chegada, das 9h às 15h, com intervalo de almoço das 12 às 13h. O prazo do credenciamento termina no dia 17. 

No ato da inscrição, é necessário apresentar a cópia do RG, CPF, título de eleitor, comprovante de residência em nome do vendedor solicitante.

Fonte: Ascom

esgotojaguab

O banho de mar na praia da Terceira Ponte de Jaguaribe, localizada na orla de Salvador, deve ser evitado até a próxima quarta-feira (10), por conta da manutenção da rede de esgoto na região.

A Empresa Baiana de Águas e Saneamento (Embasa) alertou que está trabalhando no conserto emergencial em um trecho da rede coletora que atualmente está despejando esgoto na bacia do Baixo Jaguaribe, que deságua na praia.

A estimativa de conclusão do serviço é na quarta-feira (10) de janeiro. Até esta data, os banhistas devem evitar a praia da Terceira Ponte, onde se encontra a foz do rio.

Fonte: Bahia Noticias

boletoqulqban18

A partir de 13 de janeiro, os boletos de cobrança de valor igual ou acima de R$ 50 mil passarão a trafegar apenas pela Nova Plataforma de Cobrança dos bancos, que vai aumentar os controles e facilitar os pagamentos. Pelo sistema antigo, menos integrado, um título vencido só pode ser pago normalmente no banco que emitiu o boleto, por exemplo. Com o novo sistema, qualquer banco poderá receber o boleto e calcular os juros e multas. 

Atualmente, a Nova Plataforma e o sistema antigo estão em funcionamento e os boletos podem ou não seguir as regras, situação que vai acabar gradualmente neste início de 2018. 

A mudança pode ajudar a facilitar operações de crédito com garantia em boletos e também os fundos de recebíveis, os Fidc, além de reduzir os custos de cobrança. 

O valor dos boletos que terão de ser emitidos obrigatoriamente pela nova plataforma será reduzido gradualmente, até atingir documentos acima de R$ 800 em 24 de março. 

A partir de 21 de julho, todos os boletos emitidos no país passarão pela nova central, que vai garantir aos consumidores maior conveniência e segurança nessas operações, segundo a Federação Brasileira de Bancos (Febraban), que desenvolveu o sistema em parceria com a rede bancária. Em setembro, entrarão no sistema os boletos de cartões de crédito e de doações. 

O cronograma prevê a substituição gradual do sistema atual de boletos pela nova plataforma. A migração será feita neste início de 2018, começando com valores a partir de R$ 50 mil em janeiro, caindo para R$ 4 mil e depois R$ 2 mil em fevereiro. A partir dessas datas, os boletos nesses valores ou acima disso não poderão ser emitidos pelo sistema antigo, apenas pelo novo. 

Fim do prazo de convivência

A partir de 13 de janeiro/2018 – R$ 50 mil ou mais 

A partir de 3 de fevereiro/2018 – R$ 4 mil ou mais 

A partir de 24 de fevereiro/2018 – R$ 2 mil ou mais 

A Nova Plataforma reduz a inconsistência de dados e evita pagamento em duplicidade, afirma Walter Tadeu de Faria, diretor adjunto de operações da Febraban. “O novo sistema permite a identificação do emissor e do pagador, com a indicação do CNPJ/CPF, o que facilita o rastreamento de pagamentos e redução das fraudes, fonte de preocupação permanente para todo o sistema bancário.” 

Em operação desde julho do ano passado, quando passaram a ser processados os boletos de valor igual ou acima de R$ 50 mil, a Nova Plataforma vem gradualmente incorporando os valores inferiores à sua base de dados. A mais recente etapa do cronograma para funcionamento do novo sistema começou em setembro, com a incorporação dos boletos de valor igual ou acima de R$ 2 mil.

O cronograma inicial previa que a Nova Plataforma passasse a registrar todos os boletos a partir do fim de 2017, mas foi necessária uma adaptação para garantir a segurança e a tranquilidade no processamento, em função do elevado número de documentos – cerca de 4 bilhões de boletos por ano, valor que exige capacidade de processamento superior à de uma das grandes processadoras globais de cartões de crédito, segundo a Febraban. 

Além de um prazo maior, os bancos decidiram adotar um período de convivência entre o antigo modelo de cobrança, que permitia os boletos sem registros, e o novo, que deverá ter todos os boletos de pagamento registrados na base, para que não houvesse problemas de atendimento aos clientes, explica o diretor da Febraban. 

Esse período de convivência entre os dois modelos será encerrado gradativamente a partir de janeiro de 2018, de acordo com a faixa de valores dos boletos, conforme a tabela abaixo:

Novo cronograma

A partir de 24 de março/2018 – R$ 800,00 ou mais 

A partir de 26 de maio/2018 – R$ 400,00 ou mais 

A partir de 21 de julho/2018 – R$ 0,01 ou mais 

Em 22 de setembro/2018 – processo concluído, com a inclusão dos boletos de cartão de crédito e de doações, entre outros. 

A Nova Plataforma de Cobrança é um projeto nascido há cerca de três anos, explica a Febraban. Ela moderniza o sistema de cobrança existente há mais de 20 anos no país. 

Todas as informações que, por norma do Banco Central, obrigatoriamente devem constar do boleto, tais como CPF ou CNPJ do emissor, data de vencimento, valor, além do nome e número do CPF ou CNPJ do pagador, devem trafegar pela Nova Plataforma. 

Com o novo processo, os bancos passarão a controlar melhor todos os boletos encaminhados, melhorando a capacidade de restringir o envio indevido desses documentos, diz a Febraban. 

Fonte: Exame

acidenteb099pf

Dez pessoas ficaram feridas após dois carros colidirem um contra o outro na manhã deste domingo (7), na BA-099. O acidente aconteceu na altura de Praia do Forte, no município de Mata de São João.

A vítima mais grave foi uma senhora de 56 anos, que aparentava ter sofrido uma fratura na região da bacia. Guarnições do Batalhão de Polícia Rodoviária (BPRv) e uma ambulância da concessionária que administra a via prestaram os primeiros socorros.

O helicóptero Guardião 01 do Grupamento Aéreo (Graer) da Polícia Militar levou as vítimas para os hospitais do Subúrbio, em Salvador, e Geral de Camaçari. Segundo o comandante do Graer, tenente-coronel Renato Lima, todas as vítimas estavam conscientes.

Fonte: BN

internatmt

Na tarde desta quarta-feira (03/01) uma internauta de Mata de São João entrou em contato com a redação do Ação Noticias para reclamar da falta de alguns materiais básicos nos postos de saúde de alguns bairros.

Segundo ela, levou o filho acidentado para fazer curativo no posto da Rua do Dendê e  não tinha atadura. “Gente que absurdo postinho de Mata não tem atadura pra fazer curativos, a pessoa tem que comprar e levar isso, é demais”, desabafa a leitora de iniciais JC!

Ela disse ainda que a enfermeira que a atendeu disse que alguns materiais estariam em falta, mas se ela comprasse fazia o curativo. A profissional de saúde pediu que a dona de casa retornasse no dia seguinte.

Buscando fazer o curativo da criança ela teria buscado o posto localizado no entroncamento da cidade e também não tinha o material.

Entramos em contato com a Secretária da Saúde de Mata de São João, Tatiane Rebouças que ficou de averiguar o ocorrido e nos dar uma resposta. Estamos no aguardo.

bbgreveO Banco do Brasil suspendeu o atendimento ao público, nas agências de Mata de São João, Dias d’Ávila, Camaçari e Simões Filho. O motivo da suspensão foi atribuido à greve dos vigilantes, deflagrada na manhã desta terça-feira, 02.

De acordo com a reportagem do site Mais Região, o gerente da agência em mata de São João,informou que não existe previsão sobre a normalização das atividades. O gerente explicou ainda, que em dias de atendimento interno, a unidade conta com três seguranças da empresa terceirizada Vipac Segurança.

Em contado com a Vipac Segurança, o gerente de operações da empresa informou que os trabalhadores alegam a falta de pagamento do 13º e a apólice seguro, os quais já foram devidamente pagos. 

Autoatendimento - Os caixas eletrônicos funcionam normalmente e podem ser usados pela população para saques, depósitos e pagamento de contas.

Mais Artigos...