Servidores da Ufba entram em greve por tempo indeterminado

Educação

assufbaOs servidores técnico-administrativos em Educação da Universidade Federal da Bahia (Ufba) entraram em greve por tempo indeterminado nesta quarta-feira (22). A categoria realizou um protesto na porta do campus de Ondina na manhã desta quarta.

Segundo informações do sindicato Assufba, a mobilização da categoria é nacional, coordenada pela Federação dos Sindicatos de Trabalhadores Técnicos Administrativos em Instituições de Ensino Superior Públicas do Brasil (Fasubra). Os servidores da Ufba aderiram à paralisação em assembleia no dia 16 de novembro.

De acordo com o G1, a greve ocorre em defesa da carreira dos técnico-administrativos, dos hospitais universitários e da negociação por aumento salarial. A categoria é contra os cortes no orçamento das universidades, além das reformas trabalhista e da previdência.

Com a paralisação, serão afetados serviços da área administrativa da universidade. Os serviços dos hospitais universitários da Ufba não serão afetados a princípio e devem ser negociados separadamente.

Na quinta-feira (23), está programada assembleia, às 9h, na Faculdade de Economia. Logo em seguida, os trabalhadores saem em passeata no centro da cidade.