Seduc: Nota de esclarecimento sobre descarte de livros

Educação

Em relação ao vídeo que circula nas redes sociais e aplicativos de mensagens desde o último dia 7 de fevereiro, que mostra imagens de livros descartados de forma irregular, a Prefeitura de Camaçari informa que o material didático não é da rede municipal de ensino.

lixolivros

A Secretaria da Educação do Município destacou técnicos para o local, a fim de se certificar sobre a procedência dos livros. Porém, notou-se tratar de livros para a oferta do Ensino Médio (por exemplo, exemplares de Filosofia, Física, Química etc), embora não haja a identificação do Colégio Estadual que promoveu o descarte.

Nesse tocante é importante esclarecer:

O descarte de livros didáticos desatualizados ou sem condição de reutilização é uma rotina comum no âmbito das unidades escolares municipais de nosso município. A Secretaria de Educação aproveita para esclarecer que, inclusive, mantêm parceria com a COOPMARC – Cooperativa de Materiais Recicláveis de Camaçari, sediada em Camaçari, que tem realizado ao longo dos últimos anos o recolhimento, processamento, reciclagem e reutilização desses compêndios descartados pelas unidades escolares, em razão de sua desatualização ou depreciação pela utilização por mais de 5 (cinco) anos.

livroslixo

Cabe ainda ressaltar que a rotina de desfazimento (nomeclatura utilizada pelo Ministério da Educação para destarte de livros didáticos) no município de Camaçari coaduna com as orientações emanadas pelo Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE), lavrado no Informe n° 05/2018 – COARE/FNDE.

No presente caso, esta SEDUC procedeu o recolhimento dos exemplares e dará a destinação correta, após a análise do material que ficará a disposição de nossa Equipe Pedagógica.

Sempre primando pela oferta dos melhores serviços e benefícios para a nossa comunidade escolar, nos colocamos à disposição de todos para quaisquer esclarecimentos.

 

Fonte: Ascom PMC