Encontro debate erradicação do trabalho infantil em Camaçari

Eventos

Tiago Pacheco Tiago Pacheco Criação do Comutê Municipal de Adolecente pela Prevenção e Erradicação de Trablho Infantil 13

Nesta quinta-feira (19/07), o auditório do Teatro Alberto Martins foi tomado por crianças e adolescentes, além de autoridades e da população de Camaçari, para criação do Comitê Municipal de Adolescentes pela Prevenção e Erradicação do Trabalho Infantil (Cemapeti).

Na ocasião, estiveram presentes à mesa solene o prefeito de Camaçari, Elinaldo Araújo, o presidente da Câmara do município, Oziel Araújo, a secretária de Educação, Neurilene Martins, a secretária de Desenvolvimento Social, Ilay Ellery, e o procurador do Ministério Público do Trabalho do Ceará, Antônio Lima.

"Vocês são a nossa esperança. Esse Comitê que será constituído hoje vai permitir que vocês integrem um movimento nacional pra gente pensar na realidade dos jovens e crianças de Camaçari", declarou a secretária de educação, Neurilene Martins, durante o evento.

Para o prefeito Elinaldo Araújo, o objetivo da gestão é permitir que as crianças e adolescentes tenham o direito garantido ao estudo e que a família tenha um suporte social, para que esses jovens não precisem trabalhar. "Temos buscado a cada dia melhorar a qualidade de vida de todos. Tenho uma história de luta e de trabalho na infância por necessidade e queremos dar garantia de que isso não aconteça com nossas crianças", concluiu o gestor.

"Nós temos que buscar fazer diferente. Porque a realidade de muitos pais e mães é ter que levar os filhos para o trabalho. E estamos buscando caminhos para mudar isso", declarou a secretária de Desenvolvimento Social, Ilay Ellery.

A ação foi promovida pela Secretaria de Educação de Camaçari, em conjunto com o Comitê Nacional de Adolescentes e Jovens na Prevenção e Erradicação do Trabalho Infantil (Conapeti) e em parceria com o Ministério Público do Trabalho da Bahia (MPT/BA), Ministério Público do Estado da Bahia (MP-BA) e o Fórum Estadual de Erradicação do Trabalho Infantil e Proteção ao Adolescente Trabalhador (FETIPA).

A criação do Cemapeti tem o objetivo de garantir a participação das crianças e adolescentes na formulação e monitoramento de políticas públicas de prevenção e erradicação do trabalho infantil, através do Programa de Educação contra Exploração do Trabalho da Criança e do Adolescente (Peteca).

O Peteca foi criado pelo Ministério Público do Trabalho no Ceará (MPT/CE) e prevê a realização de encontros e a constituição desses comitês em todos os estados do Brasil ainda este ano de 2018.

Durante o evento, o prefeito Elinaldo Araújo também realizou a entrega simbólica das mochilas para os estudantes da rede municipal. A entrega será realizada a partir desta quinta (19/07) para todos os 35 mil alunos da rede de educação de Camaçari.

 

 

Fonte: Ascom/PMC