capacitacaoartesao7

No intuito de desenvolver o empreendedor artesão, fomentando o turismo na sede e orla do município, a Prefeitura de Camaçari, através da Secretaria do Desenvolvimento Social e Cidadania (Sedes) e Secretaria do Desenvolvimento Econômico (Sedec), realizou na manhã de terça-feira (14/11) um curso de capacitação para os profissionais artesãos do município. A atividade ocorreu na Cidade do Saber. 

A capacitação tem o objetivo de habilitar os artesãos do município no atendimento ao cliente. “Nós estaremos conversando com os artesãos sobre as práticas no atendimento de excelência ao cliente”, informou a coordenadora de Economia Solidária da Sedes, Sineide Lopes. A iniciativa é a primeira etapa que pretende beneficiar também os profissionais da gastronomia. 

O treinamento de capacitação também tem um olhar no empreendedorismo, abordando a potencialidade do artesão para a economia do município. “Queremos mostrar que pode ser bom para o município, para os munícipes e para os turistas, desenvolvendo nos artesãos toda a parte empreendedora nele”, contou a coordenadora de Trabalho e Renda da Sedec, Maria Tereza Andrade. 

A artesã e moradora da Gleba A, Suzely Oliveira, aprovou a iniciativa da Prefeitura. “Acho que vai ser ótimo para nós artesãos, por que vamos aprender a atender melhor ainda o público, pois muitos são de fora do Brasil”, contou a profissional, que trabalha há 15 anos com bordados e confecção de colares e brincos.

Fonte: Ascom

pisnascnov11

A Caixa Econômica Federal começa a pagar - a partir desta sexta-feira (17) - o abono salarial do Programa de Integração Social (PIS) calendário 2017/2018, ano-base 2016, para os trabalhadores nascidos em novembro. Os valores variam de R$ 79 a R$ 937. 

O abono estará disponível para os inscritos há pelo menos cinco anos no PIS e que tenham trabalhado com carteira assinada por pelo menos 30 dias em 2016, com remuneração mensal média de até dois salários mínimos. 

No total, os recursos liberados chegam a mais de R$ 1,2 bilhão para 1.778.726 pessoas. Para obter informações sobre o valor a receber, o trabalhador pode acessar o site www.caixa.gov.br/PIS ou ligar para o telefone: 0800 726 0207. Quem tem conta na Caixa receberá o benefício automaticamente a partir de hoje (14). 

O trabalhador com o Cartão do Cidadão e senha cadastrada pode se dirigir a uma casa lotérica, um ponto de atendimento Caixa Aqui ou aos terminais de autoatendimento do banco. Quem não tem o cartão e não tenha recebido automaticamente em conta, o abono pode ser retirado em qualquer agência da Caixa, basta apresentar o documento de identificação.

vanentregue2

O paço municipal da Prefeitura de Camaçari na tarde de quinta-feira (09/11) foi cenário para um momento de grande importância para o município, que pela primeira vez passa a contar com um veículo utilitário para dar apoio aos serviços de cadastramento e atualização cadastral do Programa Bolsa Família (PBF) e do Cadastro Único (CadÚnico), sistema que identifica e caracteriza as famílias de baixa renda, para que possam ter acesso aos programas Sociais do Governo Federal.

O automóvel, modelo Van, vai atender de forma itinerante as famílias que residem nas comunidades mais remotas da orla e zona rural do município. Atualmente, Camaçari conta com 43 mil famílias no CadÚnico. Dentre elas, 27.416 são do PBF, que precisam estar com o cadastro atualizado para garantir a continuidade do recebimento do beneficio.

A cerimônia de entrega da Van à Secretaria do Desenvolvimento Social e Cidadania (Sedes), pasta responsável pela gestão do CadÚnico e PBF em Camaçari, foi prestigiada por secretários e vereadores municipais. O prefeito Antonio Elinaldo, durante a cerimônia, falou da satisfação em saber que agora as comunidades mais distantes terão uma atenção especial. "Agora as dificuldades com a distância e transporte público estão superadas, pois os moradores de áreas de difícil acesso não precisarão mais se deslocar até a sede", afirmou.

A secretária da Sedes, Simara Ellery, lembra que isso é resultado de muito esforço e dedicação da gestão. "Através do atendimento itinerante será possível fortalecer os vínculos com os beneficiários, e consolidar as ações já desenvolvidas pelo município, ampliando o acesso aos serviços públicos", esclareceu.

O veículo foi adquirido através de recursos do Ministério do Desenvolvimento Social e Agrário (MDSA), por meio do Índice de Gestão Descentralizada do Município (IGD-M) - indicador que mostra, dentre outras coisas, a qualidade das ações realizadas pelo município nos trabalhos de cadastramento, atualização cadastral e de acompanhamento das condicionalidades de educação e saúde.

Fonte: Ascom PMC

sesiO Serviço Social da Indústria (Sesi) na Bahia abriu vagas para 410 bolsas de estudos gratuitas para o 1º ano do Ensino Médio, em 2018. Os interessados vão passar por processo seletivo. As inscrições são gratuitas e devem ser feitas pela internet até o dia 19, domingo.

Segundo o G1, as bolsas são destinadas às escolas da rede na capital e no interior. O candidato precisa ser concluinte do 9º ano do ensino fundamental, ter 16 anos completos até 31 de março de 2018 e renda familiar de até dois salários mínimos.

As inscrições para concorrer às vagas devem ser feitas no site do Sesi. O candidato será submetido a uma prova escrita, composta de 45 questões objetivas e redação, de caráter eliminatório e classificatório. A avaliação será realizada no dia 3 de dezembro.

Para Salvador, o Sesi oferece 240 bolsas, sendo 140 delas para a Escola Djalma Pessoa (Piatã) e 100 para a Escola Reitor Miguel Calmon (Retiro). No interior do estado, 20 vagas são para o munícipio de Luís Eduardo Magalhães, 20 para Vitória da Conquista, 20 para Barreiras, 30 para Ilhéus e 80 para a Escola SESI de Feira de Santana.

No caso dos aprovados, a matrícula começa a partir do dia 13 de dezembro, quando deve ser publicado o resultado final da seleção. Para quem não tem perfil socioeconômico para concorrer a uma bolsa de estudos, a matrícula pode ser feita diretamente nas escolas da Rede SESI.

Mais Artigos...