camaragastojul

A Câmara dos Deputados vai gastar cerca de R$ 1,8 milhão com a compra de material para a reestruturação do seu edifício principal. De acordo com a Coluna Estadão, o projeto inclui uma sala para os líderes partidários se reunirem e a transferência de órgãos de comando da Casa para espaços mais nobres. O Comitê de Imprensa, lugar disputado por ser o único da Casa que dá acesso direto ao plenário, deverá ceder espaço para o gabinete do presidente. 

“A repaginação vai ser feita durante o recesso, nesse período de eleição, quando a coisa está mais devagar”, afirmou o primeiro-secretário, Giacobo (PR). A justificativa para o projeto seria porque as “atividades não relacionadas ao Parlamento foram instaladas em espaços nobres”. É o caso do BB e da Caixa que serão desalojados para dar lugar as Terceira e Quarta secretarias. 

Sobre a mudança no gabinete do presidente da Casa, atualmente Rodrigo Maia (DEM), Giacobo não soube dar maiores explicações. O ex-presidente Eduardo Cunha também tentou ocupar o espaço do Comitê de Imprensa, mas não obteve sucesso.

 

Fonte: Bahia Noticias

Mais Artigos...