5 dicas valiosas para quem está na transição capilar

Moda e Beleza

atransi

Hoje em dia, isso está mudando, e muitas mulheres que viveram alisando os fios por anos, tem deixado de lado a chapinha e os relaxamentos para aderir às suas madeixas naturais. E finalmente, a indústria oferece diversos produtos para o tratamento correto dos fios. A transição capilar, é justamente esse processo de abandonar o alisamento para chegar aos fios naturais novamente.

E a gente separou 5 dicas valiosas para quem está vivendo ou pensando na transição:

1- Tenha paciência

A primeira dica não poderia ser outra: tenha paciência. A transição quase sempre é um processo lento, pois exige tempo para que os fios naturais cresçam e investimento em hidratação e em produtos específicos para o cabelo cacheado ou crespo. Quem estava acostumada a dar chapinha nos fios e não se preocupava nem mesmo em lavá-lo durante a semana, precisará ter paciência para a nova rotina de cuidados. Mas claro que o resultado vale super a pena!

2- A opção do B.C.

Se você não é do time das pacientes e não está disposta a esperar meses até que os seus fiozinhos naturais comecem a crescer, você pode apostar no B.C. O big chop (grande corte) é simplesmente a técnica de cortar os cabelos bem curtinhos, muitas vezes no estilo Joãozinho, livrando-se de uma vez dos fios alisados. Muitas moças não curtem a ideia de ficar com os cabelos muito curtos, mas o corte é lindo e libertador. Vale pensar no carinho nessa possibilidade!

3- Aposte nas tranças e penteados

Outra opção para o momento da transição é adotar as tranças e penteados, para lidar melhor com aquela fase maluca em que o cabelo que não está nem liso, nem cacheado, nem crespo. Seja as tranças nagô ou box braids, todas são opções versáteis e lindas. Você pode aderir aos apliques em fibras ou investir nos penteados com tranças embutidas.

4- Invista em texturização

As texturizações são técnicas muito conhecidas pelas nossas mães e avós. Com certeza você já ouviu a sua avó usando bobs ou “bigudinhos” para dar forma às madeixas, no tempo em que baby liss e chapinha eram coisas difíceis de se ter em casa. E essas são ótimas opções para o cabelo que está em transição. Além dos bobs e bigudinhos, a técnica do twist, ou seja, enrolar o fios em tranças de duas partes, também é ideal para induzir o cabelo a cachear de forma natural, sem agredi-lo com o calor do baby liss.

5- Siga pessoas inspiradoras

É sempre importante ter pessoas para trocar experiências e informações durante a transição. Se você não tiver amigas que já passaram ou estão passando pelo processo também, vale a pena seguir moças inspiradoras nas redes sociais, como Instagram. Ver o processo e os resultados satisfatórios da transição irão te dar força e empolgação para continuar!

 

 

Fonte: A Tarde